Blog Entrevistas Franqueados

Conversa com franqueado: vantagens da carreira autônoma

Licenciado Mariano

Atualizado em maio de 2022

O universo empresarial sempre fez parte vida de Guilherme Mariano. Atuando nas áreas de gerência comercial, análise de mercado e planejamento de vendas, Guilherme já passou por multinacionais como PepsiCo, Phillip Morris, Arcor e Nielsen; e, portanto, é mais do que habituado à natureza e aos desafios que circundam as empresas de grande porte. Ainda assim, havia uma ambição profissional que, durante toda essa trajetória, Guilherme jamais tivera a chance de realizar: sempre quis ter um mercado, mas por conta da necessidade de investimentos muito altos, e de o risco de apostar todas as fichas em uma única unidade parecer muito grande, a ambição acabou ficando, durante muito tempo, no plano das ideias. 

No primeiro semestre de 2020, entretanto, Guilherme foi confrontado pela possibilidade de realizar uma versão adaptada de seu sonho de gerir um mercado: uma nova startup de nome market4u começava a fazer sucesso em Curitiba instalando minimarkets automatizados dentro de condomínios residenciais. A ideia promovida pelo market4u é que as pessoas possam fazer suas compras sem precisar sair de casa.

Para isso, as unidades são abastecidas com todos os principais produtos para o dia a dia, incluindo comidas frescas e congeladas, bebidas, artigos de higiene e limpeza, carnes e outros itens tradicionalmente comercializados em supermercados. Tudo isso à venda em unidades 24 horas e sem a necessidade de atendentes trabalhando no local. 

Para Guilherme, era a chance de entrar para o ramo que sempre o interessou e ainda gerir seu primeiro negócio de maneira autônoma. Ele contatou a startup e, após algumas reuniões, recebeu autorização para abrir sua própria licença do market4u.

Diferente dos mercados tradicionais, o minimarket exigia um investimento menor e abria a possibilidade de diversas unidades funcionando ao mesmo tempo; modelo de negócio que Guilherme enxergou como altamente lucrativo.

Sucesso com o minimarket

Em menos de 30 dias, Guilherme manejou inaugurar 10 novas unidades do minimarket em condomínios residenciais; até o próximo mês, afirma que já serão ao menos 20.  “O que faço agora é muito parecido com o que fazia antes, com a vantagem de que esse é meu próprio negócio. Tenho total autonomia para tomadas de decisão, isso facilita muito”, reflete Guilherme. Ele conta que o desempenho das unidades tem sido muito bom, e que, no total, há uma média de 65% dos clientes ativos. 

Agora, Guilherme aplica os conhecimentos adquiridos nas empresas multinacionais para administrar e expandir seu negócio, aumentando a quantidade de unidade ativas com uma agilidade que reflete sua familiaridade com a dinâmica empreendedora. Quase dois anos depois, Mariano já abriu cerca de 50 unidades em toda Curitiba e Região.

Da mesma forma, o market4u cresceu no mercado de forma acelerada e competitiva, ampliando sua rede de atuação a nível nacional e multiplicando sua equipe de quatro para 250 colaboradores ainda no primeiro semestre de atividade.

Outro ponto que mudou é que desde junho de 2021, o market4u passou a ser uma franquia, associado da Associação Brasileira de Franchising (ABF). O modelo deu tão certo que já são mais de 250 franqueados em todas as regiões do país.

Os condomínios querem market4u

Sobre ser um licenciado atuando na mesma cidade onde se encontra a operação própria do market4u, Guilherme afirma que a popularidade do serviço em Curitiba pode ser encarada como uma vantagem na hora de fechar novos negócios.

“A marca já se tornou conhecida e virou referência. Por mais que existam opções similares, os condomínios querem ter market4u, e não outros modelos. Chegamos há pouco tempo e já nos tornamos referência. Isso é muito bom!”.

Agora, o desafio de Guilherme é continuar crescendo lado a lado com o market4u e levar o conceito inovador do minimarket ao maior número possível de pessoas, para que fazer as compras para casa possa se tornar, de uma vez por todas, uma tarefa simples e acessível.

Quer entender mais sobre uma franquia de mercado em condomínio? Acesse:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.