Blog Condomínios Dicas Síndicos

A tecnologia como aliada na segurança de condomínios

A tarefa de gerenciar um condomínio residencial – horizontal ou vertical – não é fácil. Mesmo que você seja um síndico profissional – tenha isso como a sua profissão e tenha se preparado, por meio de cursos, para exercê-la – o dia a dia de um condomínio apresenta muitos desafios.  Se você for um síndico morador, aquele que reside no local e tenha, em algum momento, assumido a função, essa obrigação pode ser ainda mais desafiadora. 

Gerir colaboradores, contratos, finanças e o relacionamento entre os vizinhos exige certo grau de conhecimento; jogo de cintura e muita responsabilidade. Apenas assim, o síndico consegue desempenhar a sua função com maestria, para que todos os processos de um condomínio ocorram da melhor maneira possível e ele conquiste os condôminos para a tão sonhada reeleição.

Mas você sabe qual é uma das maiores preocupações dos síndicos do Brasil inteiro? A segurança dos condomínios em que atuam. Isso porque, essa também é uma das maiores preocupações das famílias, que zelam pelo bem-estar e saúde de seus parceiros, filhos e entes queridos.

Além de realizar um trabalho excepcional na gestão administrativa, de pessoas e de processos dentro do condomínio, o síndico deve estar atento às tecnologias que proporcionem segurança para o local; meios que garantam mais praticidade e qualidade de vida.

Por isso, preparamos uma lista com tecnologias que você precisa conhecer e levar para o seu condomínio.

Portaria remota

O sistema onde uma empresa opera a portaria do condomínio sem a necessidade de presença humana no local, é chamada de portaria remota. Essa é uma maneira que garante mais segurança a todos e pode, até, sair mais barata, mesmo sendo um meio tecnológico muito interessante a condomínios.

Monitoramento mobile

As câmeras de segurança existem há muito tempo, mas hoje em dia as empresas estão apostando em um sistema que permite ao morador acessar as imagens de qualquer dispositivo mobile. Isso, sem sombra de dúvida, é uma tecnologia que aumenta muito a segurança aos condôminos, tendo em vista que o morador consegue acessar, de maneira remota, qual é a movimentação na entrada do seu condomínio antes de chegar ou sair de casa, por exemplo.

Serviços autônomos

Oferecer serviços autônomos dentro dos condomínios também é algo que está ganhando cada vez mais espaço nesses ecossistemas. Os minimercados são um exemplo disso, pois garantem comodidade à rotina das famílias, levam modernidade aos condomínios, valorizam o imóvel e oferecem uma segurança única, pois eles não precisam se deslocar até o mercado.

Biometria 

A entrada e saída de pessoas dos condomínios é um dos maiores riscos relacionados à segurança do ambiente. Para isso, uma saída tecnológica pode ser a biometria, que trabalha com as características de cada indivíduo, como a impressão digital e formato da íris, por exemplo. Ou seja, não há como burlar, como poderia acontecer com uma senha de acesso.

Superalarme

Os alarmes já são muito utilizados, não é mesmo? Aí você vai me perguntar: qual a diferença do alarme convencional para um superalarme? Bom, os dois são acionados por sensores que detectam a presença de estranhos, mas o som emitido em um disparo é o que difere um do outro. O superalarme tem uma potência superior a 100 decibéis, esse sistema causa um mal-estar que torna impossível a permanência no ambiente.

Identificação de placas 

Hoje em dia, os síndicos também podem contar com equipamentos tecnológicos similares àqueles utilizados no controle de tráfego. Eles podem ser instalados na entrada da garagem dos condomínios, permitindo a rápida identificação de placas. Com isso, há uma maior probabilidade de identificar a entrada de veículos suspeitos, que não sejam de moradores, mantendo a segurança de todos, seja a preservação da vida ou de bens materiais.

Agora, conta pra gente, você já conhecia todos esses meios de segurança? Ah, aproveite para compartilhar esse conteúdo com os colegas síndicos.

Veja, aqui, como você pode levar mais comodidade e bem-estar aos condôminos ↓

https://market4u.com.br/blog/mercadinho-no-condominio-sim-e-possivel/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.