Blog Condomínios Síndicos

Mercadinho de condomínio: como incentivar os condôminos a zelar pela unidade?

Ter um mercadinho no condomínio. Esse hábito torna-se cada vez mais comum em todas as regiões do Brasil e facilita muito a vida de todos. E com todos os benefícios que essas lojas proporcionam, cabe ao síndico incentivar as boas práticas de cuidados com o ambiente. 

Por isso, é importante gerar esse senso de responsabilidade entre todos. Alguns caminhos de como fazer isso, é o que vamos comentar agora! 

Mantenha relacionamento com a rede 

Estar sempre perto e conectado com a empresa que fornece o serviço para o condomínio é um dos princípios para que o mercadinho cumpra o seu papel de levar mais praticidade, segurança e bem-estar. 

É isso que garante que fornecededor do serviço esteja sempre alinhado com as expectativas do condomínio, bem como dos moradores; corrigindo falhas e entregando sempre um serviço de excelência. 

A partir disso, e conhecendo melhor os objetivos da rede, o síndico consegue repassar aos condôminos informações importantes sobre a operação da unidade, os dias de reposição e a importância de seguir as instruções de uso, por exemplo. 

Repasse materiais de divulgação aos moradores  

Aliado a isso, o síndico pode incentivar o zelo com o mercadinho do condomínio estando sempre atento aos materiais e avisos enviados pela prestadora de serviço. 

Algumas empresas, enviam banners para serem compartilhados em aplicativos de mensagens e vídeos de passo a passo, que explicam melhor sobre as funcionalidades do mercadinho do condomínio e, ao mesmo tempo, incentivam boas práticas de cuidados com a unidade.   

Se você é síndico, e já tem um mercadinho no seu condomínio, compartilhe esses materiais, sempre! 

Converse com os colaboradores sobre a importância do mercadinho do condomínio 

Outra maneira de incentivar o zelo pelo mercadinho é conversar periodicamente com os colaboradores do condomínio, a fim de entender os anseios de quem passa pela unidade, alguma, eventual, falha na operação, e o que eles vivenciam e testemunham no dia a dia. 

Como são pessoas que estão diariamente no local, eles entendem melhor sobre a operação e os clientes, sendo ótimos aliados nessa missão de repassar informações e gerar senso de responsabilidade em todos os moradores. 

Você ainda não tem um mercadinho no seu condomínio? Entenda como funciona o modelo ↓

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.