Blog Dicas

3 ideias simples para deixar o ambiente de trabalho saudável

empresa com um minimercado no meio de suas operações

Colaboradores felizes têm um desempenho melhor. Essa tese já foi provada por centenas de estudos ao redor do mundo. Mas como deixar o ambiente de trabalho saudável na minha empresa? É importante que, em primeiro lugar, a gestão de recursos humanos da sua empresa seja realmente humana e pense no bem-estar das pessoas. 

Assim, ela vai compreender que a felicidade de um colaborador está intimamente ligada a como o ambiente de trabalho contribui para isso, de como ele precisa ser acolhedor. Partindo disso, é necessário buscar atrativos e proporcionar conforto a quem faz parte dele, só assim os colaboradores se sentem cada vez mais parte da equipe, pois sabem que são valorizados pelo seu empregador. 

Por isso, preparamos três dicas simples, facilmente aplicáveis, para que a sua empresa ganhe em produtividade e, o melhor: faça pessoas felizes! 

Proporcione saúde e bem-estar 

O primeiro passo para ter um colaborador feliz ao seu lado é se certificar de que ele está fisicamente e emocionalmente bem. E não tem outro jeito, para realmente promover a saúde e o bem-estar aos colaboradores, a empresa precisa ter uma cultura alinhada a isso e atuar não apenas na resolução de problemas, mas na prevenção também. 

Uma empresa que disponibiliza plano de saúde aos seus colaboradores, mas peca na prevenção a acidentes de trabalho ou permite que a equipe trabalhe uma jornada ultrajante, por exemplo, não tem intrínseco em sua cultura o bem-estar do colaborador. Além disso, a organização precisa estar atenta quanto às metas estipuladas ao grupo:

Elas são alcançáveis? 

Em quanto tempo meu colaborador conseguirá atingi-las?

Isso cabe à sua função ou preciso designar outra pessoa para auxiliá-lo?

Responda a essas perguntas com sinceridade e perceba se o seu colaborador estará sobrecarregado ou não. Se a resposta for sim, a saúde emocional dele pode estar em risco. Cuidado! 

Uma maneira de colaborar com a promoção de saúde ao quadro funcional é disponibilizar a eles oportunidades para que pratiquem exercícios físicos. Hoje em dia, muitas academias oferecem pacotes especiais para empresas, com valores mais acessíveis e horários estendidos, é o caso da Gympass, que tem unidades espalhadas por todo o Brasil. 

Disponibilize um mercado autônomo in loco 

Já pensou se você pudesse ‘sair do trabalho’ e passar na sala ao lado para comprar o pão pro café ou a manteiga que acabou? Isso mesmo, sem precisar fazer um trajeto mais longo até a panificadora, antes de ir para casa, ou dar milhares de voltas na quadra para encontrar uma vaga de estacionamento. Seria ótimo, né? 

Agora imagine o quanto isso ia mudar o dia a dia do seu colaborador, pela praticidade de ter o poder de comprar o lanche, o almoço, o chocolate e outros itens básicos no próprio ambiente de trabalho. É uma comodidade que no final do mês significa menos estresse, mais qualidade de vida e, consequentemente, produtividade. 

Sem contar que um minimercado autônomo na empresa promove a reeducação das pessoas no que diz respeito à honestidade, uma vez que elas compram e elas mesmo pagam.

Incentive o desenvolvimento dos colaboradores 

Para ter um colaborador engajado com o seu projeto é preciso que a sua empresa esteja engajada com ele. Como? Promovendo o seu desenvolvimento pessoal e profissional, por meio de cursos, capacitações, treinamentos e feedbacks, por exemplo. 

Mas não basta oportunizar, é necessário acompanhar de perto essa trajetória e criar situações que ampliem as habilidades e competências. Confiar um gestor direto para cada colaborador, que apoie e assista o companheiro é uma ideia ótima, pois cria situações intimistas e cria vínculos; o que talvez não acontecesse se apenas um gestor geral esteja encarregado de acompanhar todos. 

Não é apenas gasto! 

Implementar medidas que proporcionem mais qualidade de vida aos colaboradores no ambiente de trabalho não são gastos, são investimentos! Você já pensou nos benefícios que retornarão à sua empresa com os colaboradores felizes?

Profissionais engajados e criativos!

Mais produtividade e lucratividade!

Menos problemas e conflitos internos!

Maior retenção de talentos!

E esses são apenas alguns, pois na verdade eles são incontáveis. 

Gostou das nossas dicas? Temos outro conteúdo que pode interessar: 

Como humanizar a gestão de recursos humanos da minha empresa?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.