Blog

Ideias de um programador por Lucas Fogaça

Atualizado em outubro de 2021

Em fevereiro de 2019, Lucas Fogaça, na época prestes a se formar em Sistemas de Informação pela UTFPR, completava seis meses como trainee em uma empresa de controle de finanças em Curitiba.  O trabalho era monótono e os gestores não davam espaço para que os colaboradores ultrapassassem os limites de suas funções primárias: ideias só eram bem-vindas dentro da pequena cúpula de profissionais convidados a discutir negócios. Aos demais, a caixinha de sugestões estava permanentemente fechada. 

Ao fim de sua participação no programa de trainee, Lucas compreendeu que um sistema hierárquico rígido não era bem o que ele buscava. Passou alguns meses atuando como desenvolvedor em outra empresa; e seu principal produto em desenvolvimento era uma solução de banco/manipulação/análise de dados, e embora gostasse do que fazia por ali, acabou saindo para aceitar um desafio maior. Edson de Paula, seu antigo coordenador na época de trainee, havia engajado em um projeto novo que surgia no mercado e precisava de um programador jr. de confiança para trabalhar ao seu lado. Conhecendo as antigas frustrações de Lucas, Edson foi logo avisando que neste novo projeto o esquema era outro: garantiu que no market4u todos os colaboradores tinham voz. Lucas topou. 

“Perceber que tudo que o Edson tinha me falado sobre a empresa era verdade foi mais lindo ainda”, conta Lucas, que há seis meses faz parte do time de colaboradores do market4u. “Ver o CEO parar o que está fazendo para ouvir a sugestão de um repositor – que infelizmente é invisível na maioria das outras empresas – foi algo sensacional”. 

De fato, a gestão descentralizada é uma das propostas mais defendidas pelos empreendedores que, em menos de doze meses de atuação, transformaram o market4u na maior rede de mercados automatizados do Brasil e conquistaram o título de empresa com maior crescimento durante a crise

Ao lado de Edson e dos novos desenvolvedores que entraram para a equipe durante os últimos meses, Lucas assume a responsabilidade de manter o espírito de inovação da startup por meio da excelência em cada detalhe. Através da tecnologia, o time garante funcionalidade tanto para o cliente final quanto para os demais colaboradores da empresa, agregando valor ao serviço oferecido pelo market4u e oferecendo suporte completo a licenciados em todo o Brasil. 

Agora, o trabalho de Lucas na startup é essencialmente colaborativo, e tem muito a ver com levantar e ouvir novas ideias. “Fui designado para ajudar os novos programadores a pegar o jeito da empresa, além de ajudar com sugestões e ideias de negócio”, diz ele. A partir de conversas com o CEO da startup, Eduardo Cordova, Lucas traçou para os próximos meses o objetivo de se aproximar mais da área de gestão de pessoas; um setor que harmoniza perfeitamente com seu senso aguçado para identificar oportunidades de inovação dentro da equipe. 

Com apenas um ano de caminhada no market4u, as responsabilidades de Lucas já são muitas: gerenciamento de equipe, especificação de tarefas desenvolvidas no sistema, revisão de códigos, levantamento de melhorias a serem trabalhadas nas novas funcionalidades do sistema e feedback mensal para cada membro do time de programadores. E o principal: deixar a caixinha de sugestões sempre aberta para contribuir para a criação de um ambiente colaborativo onde as ideias são sempre bem-vindas. 

E você, quer fazer como Lucas e fazer parte do time de colaboradores da maior rede de mercados autônomos da América Latina? Envie seu currículo para talentos@wordpress-771564-2620841.cloudwaysapps.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.