Blog Franquia

Franquia: onde surgiu esse modelo de negócio?

Última atualização em 12 de julho de 2022 por Francine Santos

Hoje em dia, muito se fala sobre franquia como uma ótima opção de negócio para quem deseja investir ou empreender.  E embora esse termo já seja conhecido pela maioria das pessoas em todo o Brasil, poucas conhecem a fundo sobre onde surgiu a franquia. 

Por isso, neste post vamos te responder: o que uma franquia? Onde surgiu a franquia? E mais algumas curiosidades sobre esse modelo de negócio. Acompanhe!

Onde surgiu a franquia?

Há pelo menos duas versões sobre o surgimento do modelo de negócio conhecido como franquia: enquanto alguns apostam que ele surgiu com a marca Singer, outros acreditam que a franquia surgiu há centenas de anos, com a Igreja Católica. 

Na primeira versão, a Singer Sewing Machine Company nascida nos Estados Unidos (EUA), na década de 1850, decidiu outorgar licenças para divulgação da marca e do modelo de operação. Dessa maneira, comerciantes de várias regiões norte-americanas conseguiram comercializar e vender os produtos da marca. 

Na segunda versão, a Igreja Católica teria dado início ao franchising por se espalhar por todas as regiões do mundo, com várias unidades, ter o Vaticano como sua “sede” e ser controlada por ele. Na visão de alguns estudiosos, esse já era um modelo que se assemelhava muito a uma franquia. 

Algumas décadas mais tarde, em 1890, a General Motors também seguiu o mesmo modelo e disponibilizou a sua marca para formar concessionárias de veículos. Outra gigante do mundo empresarial também iniciou a sua distribuição de licenças na mesma época, a Coca-Cola, quando oportunizou a outros empresários que fabricassem e distribuissem a sua fórmula. 

O que é uma franquia?

Conforme a Associação Brasileira de Franchising (ABF), a franquia é um negócio cujo modelo de operação é copiado e transferido para outro ponto comercial com autorização de quem detém os direitos e criou aquele modelo inicialmente, denominado como franqueadora. 

Dessa maneira, tudo que envolve a gestão, operação e divulgação da empresa é copiado e transferido para uma loja “gêmea”, denominada franqueada e gerida por quem investiu no negócio, que recebe da franqueadora toda a assessoria necessária para realmente replicar o modelo. 

Quando alguém investe em uma franquia, recebe todo o know-how existente da franqueadora, bem como as instruções de gestão, marketing, contabilidade, operação, toda a tecnologia ou sistema da franquia. 

Para receber essa concessão, o franqueado paga à franqueadora uma taxa de franquia, além dos royalties, que conforme a Lei de Franquia Brasileira (Lei 8.955/94), são a “remuneração periódica pelo uso do sistema, da marca ou em troca dos serviços efetivamente prestados pelo franqueador ao franqueado”.

Sendo que, as determinações de como a taxa será auferida devem ser determinadas no momento da aquisição da franquia. 

O que o mercado de franquias representa para o Brasil? 

Nos últimos 12 meses, o faturamento do franchising brasileiro totalizou R$ 188,568 bilhões, um número que vem crescendo e já ultrapassou, inclusive, os patamares superiores ao período da pré-pandemia. Veja:

→ Em 2019, o faturamento das redes no país somou mais de R$ 186 bilhões. 

→ Em 2020, esse crescimento acelerado foi pego de surpresa pela pandemia do novo coronavírus, mas mesmo assim, o setor faturou R$ 167.187 bilhões durante o período. 

→ Em 2021, as franquias se restabeleceram quase que totalmente, faturando R$ 185.068 bilhões durante todo o ano. 

→ Para 2022, as projeções da Associação Brasileira de Franchising (ABF) apontam um faturamento total de R$ 201.724 bilhões. Com um aumento de 5% no número de redes e 7% no número de unidades. 

Para o presidente da ABF, André Friedheim, o retrato do novo franqueado no Brasil indica versatilidade e ampla abrangência do setor. “Temos um amplo campo a ser explorado no Brasil, ainda mais com um mercado de trabalho em marcha lenta e uma forte cultura de empreendedorismo. Por outro lado, as redes devem investir em oferecer um suporte adequado a cada perfil e fazer uma seleção criteriosa de acordo com as necessidades de seus negócios”. 

Quer conhecer uma franquia inovadora e rentável? Entenda mais sobre as franquias de mercado em condomínio! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.